NISARGADATTA MAHARAJ


Sri Nisargadatta Maharaj

"Aconteceu que eu acreditei em meu Guru. Ele me disse que eu não era nada senão meu eu e acreditei nele. Ao acreditar nele, comportei-me de forma correspondente, e cessei de preocupar-me com o que não era eu nem meu." "O meu Guru ordenou que eu me agarrasse ao sentido de "Eu sou" (de presença), e que não desse atenção a mais nada. Eu simplesmente obedeci. Não segui nenhuma técnica especial de respiração ou de meditação, nem segui nenhum estudo das escrituras. O que quer me que acontecesse, e que afastasse a minha atenção de mim mesmo, eu teria que retornar sempre ao sentido de "Eu sou". Pode parecer muito simples, até mesmo básico. A única razão para Eu ter feito isso foi porque o meu Guru assim me disse. E funcionou! A obediência ao Guru é um poderoso solvente de todos os desejos e medos. Tudo desapareceu - eu mesmo, meu Guru, a vida que vivi, o mundo que me rodeava. Somente a paz permaneceu e um silêncio insondável. Na quietude da mente, vi-me como Eu sou - desvinculado." - Sri Nisargadatta Maharaj*


TEXTOS:
  1. O Sentido de "Eu Sou"
  2.  A Obsessão com o Corpo
  3.  Viver o Presente
  4.  O Mundo Real está Além da Mente
  5.  O que Nasce Deve Morrer
  6.  A Meditação
  7.  A Mente
  8.  O Eu Está Além da Mente
  9.  Respostas da Memória
  10.  Testemunhar
  11. A Pessoa Não é a Realidade
  12.  O Supremo a Mente e o Corpo
  13. As Aparências e a Realidade
  14. consciência e Consciência
  15. As Aparências e a Realidade
  16. O Gnani e a Ausência de Desejos, a Maior Bem-Aventurança
  17. O Sempre Presente | Para Conhecer o Que Você É, Encontre o Que Você Não É
  18. A Realidade está na Objetividade | O Supremo Está Além de Tudo
  19. Quem Sou Eu ? | A Vida É Amor e Amor é Vida
  20. A Discriminação Leva ao Desapego | Deus é o Autor de Tudo; O Gnani, de Nada
  21. Agarre-se ao Eu Sou
  22. A Personalidade, Um Obstáculo
  23. A Separação É Uma Aparência
  24. Todo o Sofrimento Nasce do Desejo e Viver é a Única Finalidade da Vida
  25. Você É Livre Agora e Não Subestime a Atenção
  26. A Vida É o Guru Supremo, Tudo Acontece Por Si Mesmo e a Mente É a Própria Inquietude
  27. O Maior Guru É O Seu Ser Interior e Matar Fere o Que Mata, Não o Que Morre
  28. Além da Dor do Prazer Há Felicidade e Prática Espiritual É Vontade Afirmada
  29. Nada Tem Existência Por Si Mesmo e Apenas o Eu É Real
  30. Desenvolva A Atitude Da Testemunha e a Realidade Não Pode Ser Enunciada
  31. A Ignorância Pode Ser Reconhecida, Não Gnana | O Eu Sou é Verdadeiro, Tudo o Mais é Inferência | O Que Vai e Vem Não Tem Existência
  32. A Consciência De Ser É Felicidade e Observe Sua Mente
  33. A Consciência É Livre e A Mente Causa Insegurança
  34. A Consciência De Si É A Testemunha | Seja Indiferente Ao Sofrimento e Ao Prazer | Ser Feliz E Fazer Feliz É O Ritmo Da Vida
  35. Desejos Satisfeitos, Mais Desejos Procriados | O Corpo e a Mente São Sintomas De Ignorância 
  36. Abandone Tudo e Você Ganha Tudo, Ao Surgir a Consciência o Mundo Surge e Além da Mente Não há Sofrimento
  37. A Perfeição é o Destino de Todos e o Medo e o Desejo São Estados Autocentrados
  38. Viva os Factos Não as Fantasias e a Matéria é a Própria Consciência 
  39. Tudo o Que Lhe Agrada o Retém e Uma Mente Silenciosa é Tudo o que Você Precisa
  40. Eu Quero Encontrar a Verdade
  41. A Experiência não é a Coisa Real - Busque a Origem da Consciência
  42. A Impermanência é a Prova da Irrealidade
  43. Deus é o Fim de Todo o Desejo e Conhecimento
  44. Autoconsciência - Você Aprende Sobre Si Mesmo
  45. O Que é Puro, Imaculado é Real
  46. A Morte da Mente é o Nascimento da Sabedoria
  47. Saber que Você Não Sabe é o Conhecimento Verdadeiro
  48. 'Eu' e 'Meu' São Ideias Falsas
  49. Todo Conhecimento é Ignorância
  50. A Pessoa, a Testemunha e o Supremo
  51. Consciência
  52. A Sabedoria de Sri Nisargadatta Maharaj
  53. O Espelho

VÍDEOS
  1. Despertar Para o Eterno (Legendado)
  2. A Essência do Ensinamento de Sri Nisargadatta Maharaj (Legendado)
  3. Rays Of The Absolute (Em inglês)
  4. Awaken To The Eternal (Em inglês)
  5. The Nisargadatta Ultimatum Pointers (Em inglês)

OUTROS TEXTOS:
  1. Nisargadatta Maharaj e o Erudito de Vedanta
  2. David Godman Fala Sobre Nisargadatta Maharaj
  3. O Nisargadatta Gita - A Canção de Nisargadatta - Por Pradeep Apte
  4. A Linhagem dos Nove Mestres Navnath Sampradaya
  5. Busca o Buscador | John Wheeler
  6. O Eu | Ed Muzika
  7. A Realidade | Ramakant Maharaj
  8. Ramakant Maharaj | Vídeos em Inglês
  9. Self-Knowledge and Self-Realization

CONSCIÊNCIA 
(Por Gilbert Schultz, Discípulo de Nisargadatta Maharaj)

Sri Siddharameshwar Maharaj

Partilhei Alguns Textos Neste Blog de Sri Siddharameshwar Maharaj, Mestre de Nisargadatta Maharaj, Deixo aqui os Links:
  1. O Poder do Ser
  2. A Importância da Devoção
  3. O Estado sem Desejos e a Autorrealização
  4. Desistindo do Sentido de "eu e meu"
  5. Desinteressa-te das Coisas Mundanas
  6. O Ser é o Conhecedor em Todos os Seres
  7. Quando o Conhecimento Dos Objetos Termina
  8. Medite Sobre Aquilo Que Você Ouviu
  9. Existe Apenas Um Sem Dualidade
  10. Reconheça o Ser No Meu Discurso, Na Minha Mente e Na Minha Ação
  11. A Verdadeira Renúcia ou o Estado Sem Desejos
  12. Um Sonho Dentro de Um Sonho
  13. O Ser Naturalmente Possui Poderes Espirituais
  14. A Autodescoberta
  15. O Ser É Muito Subtil
  16. Porque é que o Mundo é Visto Se Ele é Irreal 
  17. O Verdadeiro Guru pode ser comparado ao sol escaldante
  18. Compreendendo o Conhecimento do Ser
  19. Brahman é o Ser
  20. Em Busca do Eu
  21. O Conhecimento de Brahman
  22. O Terceiro Olho
  23. Você Pode Ter Deus ou o Mundo
  24. A Suprema Sabedoria de Sri Siddharameshwar Maharaj | 1ª Parte
  25. A Suprema Sabedoria de Siddharameshwar | 2ª Parte
  26. Samsara
  27. Compaixão e Reverência
Em Inglês:
  1. Siddharameshwar Maharaj
  2. The Seer
  3. The Aspirant
  4. He Was Paramatman, Without Qualities
  5. Third Eye of Lord Shiva
  6. One Who Is In The Heart Of All Is God
  7. Samsara
  8. How is Brahman?
  9. The Original Nature 
  10. Reality
  11. Objective Knowledge
  12. Supreme Self
  13. Attainment
  14.  Body
  15. You Are That 
  16. Golden Day
  17. Self-Knowledge

Sri Ranjit Maharaj

Outro Maravilhoso Discípulo de Sri Siddharameshwar foi Sri Ranjit Maharaj, Partilho Alguns Textos Neste Blog de Ranjit Maharaj:

  1. Ranjit Maharaj Meeting Siddharameshwar
  2. RANJIT MAHARAJ
  3. The Illusory Nature of the World | Sri Ranjit Maharaj
  4. The Nature of Reality | Sri Ranjit Maharaj
  5. The Dreamer and the Dream | Sri Ranjit Maharaj
  6. Knowledge and Ignorance | Ranjit Maharaj
  7. Reality Prevails Everywhere And Apart From Reality There Is Nothing 
  8. The "Problem" Of The Ego
  9. Being an Aspirant
  10. The Work Of The Master
  11. Grace and Understanding 
  12. Devotion
  13. Thinking and the Mind
  14. Who Am I ?
  15. The Realized Person
  16. Três Maravilhosos Satsangs em Inglês de Sri Ranjit Maharaj (não estão legendados em  Português) | Vídeos
  17. Algumas Questões feitas a Sri Ranjit Maharaj (Texto em Português)
  18. A Realidade (Texto em Português)
  19. O Conhecimento e a Ignorância (Texto em Português)
  20. A Natureza Ilusória do Mundo
  21. Eu Não Sou (Vídeo em Inglês)

*Nisargadatta Maharaj (17 de abril 1897 - 8 de setembro de 1981), nascido Maruti Shivrampant Kambli, foi um Guru hindu de Advaita Vedanta (não-dualismo), pertencente ao Inchegeri Sampradaya, uma linhagem de professores da Navnath Sampradaya e Lingayat Shaivism. A publicação em 1973 de "Eu Sou Aquilo" (I Am That), uma tradução em Inglês de suas palestras em Marathi por Maurice Frydman, lhe trouxe reconhecimento mundial e seguidores, especialmente da América do Norte e Europa.

Nisargadatta nasceu no amanhecer de 17 de Abril de 1897, um dia de lua cheia no mês de Chaitra, de um casal devoto hindu: Shivrampant Kambli e Parvatibai, em Bombaim. O dia também era de Hanuman Jayanti (Os relatos mais antigos colocam o nascimento de Maruti em março, mas agora sabemos que a Hanuman Jayanti naquele ano foi em 17 de abril), o aniversário de Hanuman, o rei-macaco herói lendário do poema épico Ramayana, ajudante altruísta do Senhor Rama, daí o menino foi chamado de 'Maruti' (outro nome de Hanuman).

Maruti Shivrampant Kambli viveu em Kandalgaon, uma pequena aldeia no distrito Ratnagiri de Maharashtra, onde cresceu em meio a sua família de seis irmãos, dois irmãos e quatro irmãs. Seu pai, Shivrampant, trabalhou como empregado doméstico em Mumbai e depois se tornou um pequeno agricultor em Kandalgaon. Em 1915, depois que seu pai morreu, ele mudou-se para Bombay para sustentar sua família. Inicialmente, ele trabalhou como balconista em um escritório, mas rapidamente ele abriu uma pequena loja de artigos, que vendia principalmente beedis - cigarros enrolados em folha, e logo era dono de uma cadeia de oito lojas de varejo. Em 1924 ele se casou com Sumatibai e tiveram três filhas e um filho.

Em 1933, ele foi apresentado a seu guru, Siddharameshwar Maharaj, o dirigente da sucursal Inchegiri do Navnath Sampradaya, por seu amigo Yashwantrao Baagkar. Seu guru lhe disse: 

"Você não é o que pensa ser ...". 

Ele então deu a Nisargadatta instruções simples que ele seguiu na íntegra, como ele mesmo contou mais tarde: 

"Meu guru ordenou-me a persistir no pensamento "eu sou" e não dar atenção a nada mais. Eu apenas obedeci. Eu não seguia qualquer curso particular de respiração, ou meditação, ou estudo das escrituras. O que aconteceu, eu retirarei a minha atenção de tudo e permaneci com o sentimento "eu sou". Pode parecer simples demais, mesmo cru. Minha única razão para fazê-lo foi que o meu guru me disse isso. No entanto, deu certo!" 

Seguindo as instruções de se concentrar na sensação de "eu sou", ele usou todo o seu tempo livre à procura de si mesmo em silêncio.

Depois de uma associação que durou quase dois anos e meio, Siddharameshwar Maharaj morreu em 9 de Novembro de 1936. Em 1937, Nisargadatta deixou Mumbai e viajou por toda a Índia. Ele finalmente voltou para sua família em Mumbai em 1938, onde passou o resto de sua vida. Na viagem para casa, ele chegou ao despertar: Na viagem de regresso evidentemente ele abriu em uma realização irreversível, ininterrupta de Atma transcendente imanente Eu Divino. Suas práticas espirituais tinham esgotado todos os samskaras, os gostos e desgostos problemáticos herdados do karma passado. Finalmente despertou para o Absoluto, Realidade Absoluta. Todo apego, aversão e ilusão tinham terminado. Nisargadatta estava agora totalmente livre no estado de Jivanmukta, um liberado enquanto ainda num corpo.

Entre 1942-1948, ele sofreu duas perdas pessoais, primeiro a morte de sua esposa, Sumatibai, seguido pela morte de sua filha. 

Ele começou a dar iniciações em 1951, depois de uma revelação pessoal de seu guru, Siddharameshwar Maharaj: 

Desde Seu retorno a Bombaim em 1938, Nisargadatta tinha sido procurado por aqueles que desejavam o seu conselho em assuntos espirituais. Muitos queriam tornar-se seus discípulos e obter mantra-iniciação formal dele, reverentemente chamando-o "Maharaj", "Grande Rei (Espiritual)". No entanto, ele estava relutante em ter discípulos e servir como um guru. Finalmente, em 1951, depois de receber uma revelação interior de Siddharamesvar, ele começou a iniciar alunos. Depois que se aposentou de sua loja em 1966, Nisargadatta Maharaj continuou a receber e ensinar os visitantes em sua casa, dando discursos duas vezes por dia, até sua morte, em 8 de setembro de 1981 com a idade de 84 anos, de câncer na garganta.


Ensinamentos:

De acordo com Timothy Conway, a base todo o ensinamento de Nisargadatta foi:

A Nossa Verdadeira Identidade é: Não-Nascido, Imortal, Consciência Absoluta, o Infinito e Eterno Parabrahman.

Para Maharaj, o nosso único "problema" é um caso de erro de identidade: nós presumimos ser um indivíduo, e, fundamentalmente, não somos um indivíduo, somos intrinsecamente sempre e somente o Absoluto.

Nisargadatta explica: A força da vida [prana] e da mente estão a funcionar [por conta própria], mas a mente vai tentá-lo a acreditar que é "você". Portanto entenda sempre que você é a não espacial e atemporal Testemunha.


A Autoinvestigação: 


De acordo com Conway, a Consciência do Absoluto poderia ser recuperada por: A desidentificação radical do sonho de "eu e meu mundo ", via intensa meditativa, autoinvestigação (atma-vichara) e suprema sabedoria (vijñana ou jñana).

"Eu só sei Atma-yoga, que é "Autoconhecimento", e nada mais.

A Devoção:


Nisargadatta era crítico de uma abordagem meramente intelectual à verdade não-dual. Ele tinha um forte zelo devocional ao seu próprio guru, e sugeriu o caminho da devoção, Bhakti Yoga, a alguns de seus visitantes. Jnana Yoga não é a única abordagem para a Verdade. Nisargadatta também enfatizou o amor ao guru e a Deus. (Fonte: Wikipédia)

Comentários

Mensagens mais visualizadas dos últimos 7 dias