Ram Dass Só Pode Falar Sobre Deus


Neem Karoli Baba (à esquerda) e o seu discípulo Ram Dass (à direita) 


"O amor entre um discípulo e o seu mestre é o maior amor que a existência jamais conheceu." - Osho

RAM DASS SÓ PODE FALAR SOBRE DEUS
Ram Dass


Houve uma coisa muito interessante que Maharaji (Neem Karoli Baba) fez, e que eu sempre conto para mim próprio sempre que estou de regresso à sala verde, e estou a preparar-me para dar uma palestra. Aqui está a história:

Eu estava em Allahabad na Índia com Maharaji em 1971, e estavam cerca de 30 pessoas presentes na sala com ele. Isto é chamado "Darshan" (ato de ver o mestre). Eu explico brevemente o que é para aqueles de vocês que poderão não estar familiarizados com estes termos:

O Darshan acontece quando um mestre espiritual se expõe, e as pessoas têm a oportunidade de se sentarem em silêncio, fazerem perguntas ou simplesmente verem ou estarem na Presença do mestre.

Quando um mestre espiritual específico está presente numa determinada cidade ou aldeia, o Darshan pode acontecer uma ou duas vezes por dia,

Portanto, eu estava lá presente, cuidando da minha própria vida, e recostado um pouco mais atrás de mim encontrava-se um cavalheiro indiano muito distinto, e o meu mestre estava dando importância a esse homem, tratando-o com grande respeito.

Finalmente, o meu mestre começou a dizer-lhe: "Bem, você sabe quem nós temos aqui?", e então, inesperadamente, ele começou a falar sobre mim, sobre o facto de eu ser considerado como um grande psicólogo. Quer dizer, aquilo não estava a ficar nada fácil para mim, e eu comecei a pensar: "O que é que ele está a fazer? Isto é tão absurdo!"

Então, o distinto cavalheiro disse: "Muito interessante. Talvez Ram Dass gostasse de visitar o tribunal", porque, como se acabou por perceber, ele era o chefe da suprema corte do estado. Eu cresci numa família de advogados e digo-vos já que não fui à Índia para visitar os tribunais.

No entanto, eu virei-me e disse-lhe: "Ok, isso seria muito bom." Esta é o tipo de resposta que você diz para alguém que quer que você faça algo e que você não quer fazer. Isso seria muito bom...

Contudo, ele disse: "Amanhã?"

Eu percebi que tinha sido apanhado. Pensei habilmente, e respondi-lhe: "Você vai ter que perguntar ao meu mestre." Então, o homem virou-se para o meu mestre que respondeu-lhe: "Ohhh, se o Ram Dass disse-lhe que vai ser adorável, então é porque vai ser mesmo adorável!" E ele olhou para mim como se dissesse: "Não faça asneira, dê um jeito."

Portanto, eu fui à suprema corte, assisti a julgamentos de assassinato, e foi lindo, como devem imaginar. Então, eu fui levado até ao bar, aquela sala onde os advogados estão vestidos de preto e com perucas, e foi muito divertido... Eles me cercaram, porque eu era um ocidental dos Estados Unidos, e eles começaram a me perguntar sobre a política chinesa de Nixon. Naquela altura, Nixon estava se aproximando da China, que era uma grande ameaça para a Índia.

Eu também li a revista Time, portanto, para eles eu era uma pessoa extremamente erudita, e todos ficaram muito impressionados comigo.

Depois, numa outra noite, no Darshan havia um outro advogado lá presente, e ele também era muito distinto, e começamos uma conversa. Ele disse que ficou muito impressionado comigo e perguntou-me se eu queria discursar no Rotary Club. Eu disse-lhe que ele teria que perguntar ao meu mestre, porque eu não seria apanhado duas vezes.

Maharaji ao saber da situação disse: "Oh, venham todos, escutem, o Ram Dass foi convidado para falar no Rotary Club!..." E eu imediatamente pensei: "Aquele vira-casacas." Quer dizer, eu estou fazendo tudo isto de forma correta, e ele está fazendo tudo isto a mim. Eu vou ter de procurar outro mestre.

Então, ele se virou para mim, e disse-me: "Sobre o que você vai falar?" Eu mal acabara de me aperceber de que ia falar, portanto, muito menos sabia qual seria o tema que eu ia falar.

Eu lembro-me, que desesperadamente pensei: "O Dharma é a lei do Espírito."

Maharaji perguntou-me: "Você vai falar sobre Hanuman?"

Hanuman é o deus macaco, que foi escolhido para ser a minha divindade, e eu respondi-lhe: "Claro, eu vou falar sobre Hanuman."

Maharaji perguntou-me: "Você vai falar sobre Cristo?"

"Claro, por que eu não falaria sobre Cristo?"

O advogado estava ficando cada vez mais preocupado, e ele disse: "Não. Nós gostávamos que Ram Dass falasse sobre a política chinesa de Nixon", e Maharaji pareceu espantado e respondeu-lhe: "Você não pode confiar a Ram Dass algo assim tão importante. Ram Dass só pode falar sobre Deus!"

Eu disse: "Sim, é verdade, eu só falo sobre Deus", e o advogado não gostou muito. Hesitou, e finalmente disse: "Sabe, seria melhor se eu levasse um pequeno grupo de pessoas para a minha casa para você lá ir falar em vez de falar para aqueles grandes cavalheiros..." E nunca mais ouvi falar desse cavalheiro.


Ram Dass



Origem do texto:
https://www.ramdass.org/ram-dass-can-speak-god/
(tradução livre)

Comentários

Mensagens mais visualizadas dos últimos 7 dias