O Mantra Shiva Shambho



"... o mais importante que devem saber (sobre um mantra) é que estão cantando ou falando para esta Presença amorosa que está eternamente presente, dentro e fora de nós, e que é chamada por todos esses nomes. Esses são todos os nomes de Deus, esses são todos os nomes desse Lugar." ~ Krishna Das

O MANTRA SHIVA SHAMBHO

Shiva Shiva Shiva Shambho, Shiva Shiva Shiva Shambho
Mahādeva Shambho, Mahādeva Shambho

Shiva significa o Auspicioso, o Deus Supremo, o Destruidor e o Transformador, o Senhor da dança cósmica de toda criação e destruição.

Shambho é um nome usado para Shiva, que representa um dos seus aspetos mais auspiciosos (Aquele no qual reside a felicidade). Um aspeto gentil e benevolente.

Mahādeva: Grande ("mahā") Deus ("deva"), um epíteto frequentemente usado para Shiva.(1)

(Este mantra é um mantra de devoção a Shiva.
 Elogia o aspeto gentil e benevolente de Shiva, a Auspiciosa Morada de Todos os Seres, e benefícia a evolução espiritual)
.
Gostei muito desta simples versão do mantra:

Shambho:
(Sounds Of Isha)




Sadhguru
(Nascido a 3 de setembro de 1957) 

UM BREVE DIÁLOGO COM SADHGURU JAGGI VASUDEV SOBRE ESTE MANTRA

"Um aspeto importante de Shiva é chamado de Shambho. Normalmente, Shambho, ou este aspeto da energia raiz é adorado por pessoas que estão no caminho espiritual, porque a palavra Shambho significa "o auspicioso". O mais auspicioso que pode acontecer a você é realizar-se, é alcançar o mais elevado dentro de você." - Sadhguru

PERGUNTA: Sadhguru, você disse que Shambho é uma "atributo" de Shiva. O que exatamente isso significa? E é apropriado continuar cantando "Shambho"?

SADHGURU: A cultura indiana foi criada como uma ciência para permitir que você busque sua Libertação. Todos os aspetos da sua vida - quer você usasse o canto, a dança, ou o estudo - visavam apenas a sua Libertação. A sua religião, educação, família ou negócios foram considerados secundários. O que verdadeiramente importava para você era a sua própria Libertação. Quando a Libertação era a única coisa que você procurava, tudo estava orientado para essa meta, e todos os caminhos possíveis para explorar a sua natureza interior foram usados. Em nenhum outro lugar do mundo - você podia investigar tanto a sua natureza interior das maneiras que você quisesse - as pessoas entenderam a interioridade de um ser humano como esta cultura tinha (e ainda tem). Foi algo analisado com enorme profundidade.

Mas, como estas são ciências subjetivas, elas foram expressas e codificadas de uma certa forma, de modo que você não pode interpretá-las de maneira lógica. Esse cuidado foi usado para sabermos que interpretações erradas não acontecessem. Apesar disso, durante um período de tempo, a má interpretação aconteceu invariavelmente, e toda essa ciência precisa ser rejuvenescida.

Campos Magnéticos de Energia Espiritual

Um aspeto desta cultura foi ter criado poderosos campos magnéticos de energia espiritual, através dos quais se pode buscar o crescimento espiritual e o bem-estar interior. A criação desses campos magnéticos fazem parte de outras dimensões, as quais acreditamos que estão consagradas. Dhyanalinga (um templo consagrado à meditação por Sadhguru Jaggi Vasudev), por exemplo, tem um desses fortes campos magnéticos.

A palavra "Shambho" está associada a isto mesmo. É um mantra? Sim. O que significa um mantra? Hoje, a ciência moderna nos diz que toda a existência é uma vibração. Em outras palavras, que toda a existência é basicamente apenas som. Neste complexo arranjo de sons a que nós humanos chamamos de criação, existem alguns sons que são autênticas chaves, e que podem abrir portais para outras dimensões. São os mantras. Se você usa um mantra específico com algum grau de consciência, ele pode abrir uma dimensão completamente nova de vida para você. Mas se você está apenas emocionalmente ligado ao mantra - as emoções podem ser suculentas e agradáveis, mas não o levarão a lugar algum.

Um mantra é basicamente um dispositivo. Tem um campo magnético próprio? Sim, porque cada som tem um campo próprio anexado a ele. "Shambho" tem o seu próprio campo. Tem vida? Sim, porque tudo na existência está vivo. Um átomo, uma rocha, uma árvore, uma planta, um animal, tudo está vivo. Se você for capaz de perceber isso ou não, é a minha única dúvida. É só por a atmosfera estar viva, é que você tem vida. Talvez não esteja viva como você, mas está viva à sua própria maneira. Por isso, nesta cultura, nós olhamos para a vida de uma maneira diferente.

Shambho é um dos atributos de Shiva mais auspiciosos. Um aspeto muito gentil de Shiva, o que é raro, porque Shiva geralmente é representado como sendo muito selvagem. Mas este é um aspeto muito gentil e bonito. Todos estes atributos foram estabelecidos pelas pessoas como atributos eternos para que outros mais tarde pudessem usá-los.

Uma Chave Para Abrir Você Espiritualmente

Quando você diz "Shambho" ou "Shiva", você não está propriamente pedindo ajuda material. Se você diz "Shambho" toda a vez que os seus joelhos doem, então não é isso! Os devotos de Shiva sempre invocaram Shiva e disseram: "Shiva, por favor, me destrua". Por exemplo, o Mahadeva Akka chamou Shiva, e esta foi a oração dele: "Shiva, quando estou com muita fome, se eu conseguir um pedaço de comida, antes que eu o coloque na minha boca, deixe que ele caia na lama. E antes de me inclinar e me levantar com ele, deixe um cachorro vir até mim e tirá-lo. E se eu subir uma montanha, deixe meus pés escorregarem e me deixem cair e deixe minha cabeça partir-se." É assim que a oração continua.

Então não use "Shiva Shambho" para a sua sobrevivência ou para obter benefícios materiais. Não use porque você quer comprar uma casa nova ou um veículo novo, ou você quer casar a sua filha. Se você está procurando pela sobrevivência ou algo mais que seja material aqui, você está chamando pela pessoa errada! Shiva está constantemente esperando por um momento de vulnerabilidade para ele poder quebrar você (o seu ego). Ele não está procurando ajudá-lo a sobreviver ou na obtenção de qualquer outro bem material.

Você diz "Shambho" porque você quer se dissolver com este som. Com uma compreensão muito profunda do som, nós encontramos alguns sons que são como as chaves da existência. Se você os pronuncia com o sentido correto de intensidade e no momento certo da sua vida, eles podem destruir todas as suas limitações. "Shiva" e "Shambho" são duas dessas chaves. Da pessoa (ou ego) sólida e firme que você é, eles devem fazer você dissolver-se e abri-lo a uma nova dimensão. Apenas faça que esses sons façam constantemente parte da sua vida - que eles existam dentro de você. Se um momento de vulnerabilidade aparecer, o som irá abrir você totalmente. Novas coisas acontecerão em você.

Fonte do diálogo com Sadhguru Jaggi Vasudev(Traduzido livremente com o auxílio do Google tradutor)

Comentários

Mensagens mais visualizadas dos últimos 7 dias